Programa BTR avança na etapa de treinos com ajuda do campeão Johnny Lewis na preparação das pilotas

Via Assessoria de Imprensa Royal Enfield BR


São Paulo, SP. 30 de setembro de 2021 – Nesta semana as contempladas da primeira edição do programa Build Train Race (BTR) no Brasil se preparam para a primeira corrida com suas motocicletas Royal Enfield Interceptor 650 Mark III customizadas. No dia 2 de outubro, as pilotas vão para a pista mostrar suas motos e participar da especial bateria da Royal Enfield exclusiva para mulheres. E para completar a etapa Train da iniciativa promovida pela montadora de origem britânica, Johnny Lewis chega ao país para orientar e ajudar no treinamentos, ele que é parceiro da marca e foi especialmente contratado para contribuir com as melhores técnicas de pilotagem, promete deixar as meninas prontas para as provas.




As pilotas do BTR brasileiro Bruna Wladyka (Curitiba/PR), Gisele Favaro (Varginha/MG) Geane Santana (Brasília/DF), e Edna Prado (São José dos Campos/SP) já se encontraram com o piloto norte-americano de flat track e tiveram uma agenda intensa de treinamentos nos últimos dias.

“Contar com um reforço desse nível no programa reflete exatamente a importância do programa e nosso compromisso efetivo com o motociclismo feminino no país. Lewis é experiente e vencedor em flat track, está nesse mundo desde 2004 e tem muito a contribuir com o BTR”, comenta o gerente de Marketing da Royal Enfield no Brasil, Clevir Coleto.

Breeann Poland e Clevir Coleto atentos durante os treinos do BTR em Sorocaba.


Johnny Lewis comenta sobre seu envolvimento no programa e como isso é significativo para alguém que já coleciona muitas vitórias no esporte:

“É muito bom fazer parte do BTR desde a versão norte-americana e agora no Brasil. É realmente excitante poder compartilhar minha experiência, minhas orientações de como pilotar de maneira mais segura e competitiva, especialmente para meninas que nunca participaram de corridas. E vê-las aplicando aquilo que conversamos e ver a transição, a evolução de cada uma na pista é mesmo muito especial pra mim. Estou crescendo no esporte internacionalmente a partir da edição brasileira do BTR e é muito animador ver o flat track crescer e ir para um próximo nível”.

Jhonny prepara a pista e as pilotas


Além dos treinos com Jonny Lewis, as selecionadas contarão com a experiência e incentivo da criadora do BTR, Breeann Poland, que é Brand Manager do modelo Continental GT e Head de Marketing Americas. A executiva está no Brasil para acompanhar os treinos, conhecer melhor as pilotas e cumprir uma agenda de reuniões com a equipe brasileira da Royal Enfield.


“A ideia do BTR é empoderar as mulheres participar das competições do motociclismo seja em baterias mistas ou exclusivas para pilotas. Escolhemos o Brasil para reproduzir o programa porque é um dos líderes globais em vendas das nossas motos e porque já existe um esforço consistente local em popularizar a categoria flat track. Estamos empolgados e felizes com a energia que as quatro pilotas brasileiras trouxeram para o a edição local do BTR, é muito bom vê-las com a mão na massa e agora indo para a pista”,

conta Breeann Poland.


A motocicleta Royal Enfield Interceptor 650 Mark III é o modelo escolhido para o BTR e foram máquinas que estarão na pista foram apresentadas por suas pilotas em agosto. As motos confirmaram sua adequação única para o programa por ser uma plataforma customizável, a configuração dupla paralela resfriada a ar e óleo, autênticas linhas organizadas e o motor de 648cc foi construído para andar no mundo real. A Interceptor 650 também fornece uma combinação ideal para competição, já que reúne conforto, confiança, responsividade e ajuste fácil.


A 1ª Etapa do Campeonato Brasileiro de Flat Track acontece em Sorocaba na Arena Lucky Friends Rodeo Motorcycle, dia 2 de outubro. Além da bateria feminina com as Interceptor 650 Mark III, outras categorias também participam desta etapa Campeonato Brasileiro de Flat Track, inclusive as crianças estarão na pista. Para mais informações sobre a corrida e sobre a categoria, que são iniciativas da Liga Brasileira de Flat Track, acesse: www.flattrackbr.com.

Sobre Liga Brasileira de Flat Track


Desde 2016, o Flat Track vem ganhando cada vez mais força no Brasil. A modalidade, que chegou ao País por meio do Lucky Friends Rodeo, foi se popularizando e, com a sua inserção no BMS Motorcycle®, se tornou oficial com a Liga Brasileira de Flat Track. Além de impulsionar o crescimento da prática, o Flat Track Brasil®, como também é chamado, ainda é responsável pela regulamentação de equipes, pilotos, montadoras e eventos participantes, levando a modalidade a impactar um público cada vez maior, sendo representada inclusive em competições internacionais.

Sobre Royal Enfield


A marca de motocicletas mais antiga em produção contínua, a Royal Enfield fabrica motocicletas desde 1901. A partir de suas raízes britânicas, uma fábrica foi estabelecida em Madras (Índia) em 1955, uma base de onde a Royal Enfield liderou o crescimento do segmento de duas rodas de média cilindradas da Índia. Royal Enfields são envolventes, descomplicadas, acessíveis e divertidas de montar; um veículo para exploração e auto-expressão. É uma abordagem que a marca chama de Motociclismo Puro.


Uma divisão da Eicher Motors Limited, a Royal Enfield opera através de 921 concessionárias de grande formato e 638 lojas de estúdio em todas as principais cidades da Índia e exporta para mais de 60 países em todo o mundo. As duas instalações de produção de última geração da empresa estão localizadas em Oragadam e Vallam Vadagal, perto de Chennai. A Royal Enfield investiu recentemente em dois centros técnicos de classe mundial, em Bruntingthorpe, Reino Unido, e Chennai, índia, e em 2020 abriu sua primeira unidade de montagem fora da Índia, em Buenos Aires, Argentina. Com mais de 17% de crescimento ano a ano nos últimos cinco anos e vendas nos mercados internacionais subindo 96% em 2019-20, a Royal Enfield é líder no mercado global de motocicletas de média cilindradas.


No Brasil, a linha da Royal Enfield inclui a nova cruiser Meteor 350, as Twins Interceptor 650 e Continental GT 650 e a trail aventureira Himalayan 410cc. A Rede de Concessionárias possui 20 unidades em regiões estratégicas no país, como: Rio de Janeiro (RJ), Niterói (RJ), Belo Horizonte (MG), Brasília (DF), Goiânia (Goiás), Campo Grande (MS), Curitiba (PR), Londrina (PR), Florianópolis (SC), Porto Alegre (RS), Fortaleza (CE), Recife (PE), Ribeirão Preto (SP), Campinas (SP), São José dos Campos (SP), Sorocaba (SP), São Paulo capital (duas lojas), Vitória (ES) e Salvador (BA).

17 visualizações

Posts recentes

Ver tudo